Pagina inicial

Caro Amante E Estudioso da Arte Animada

Estamos Na Estrada! Completamos 18 meses de uma costante alimentação do nosso animado INDEX, onde tivemos apoio da Professora Dra. Índia Ma...

Os Elementos Visuais nas Etapas de Desenvolvimento da Animação 2d "24/7"

Trabalho de Conclusão de Curso

Nome: Yngrid Karen Soares dos Santos
Instituição: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Programa: Curso de Design
Orientador: Amanda Mansur Custódio Nogueira
Ano: 2017
País: Brasil

Resumo
Este trabalho tem como objetivo demonstrar as etapas de criação e desenvolvimento de uma animação 2D, com foco nas suas características estéticas e elementos visuais. Nesse sentido, o trabalho investiga como os elementos visuais da animação, tais como cor, textura e desenho são fundamentais na construção de sentido e nas sensações provocadas em seus espectadores. Apoiado nos estudos dos principais elementos estéticos da animação 2D, o presente trabalho ainda analisa filmes e séries de animação, nas quais os elementos acima citados se destacam. A fim de testar e comprovar os estudos dos elementos, o objetivo final do trabalho foi o desenvolvimento do projeto de uma animação 2D, que resulta nos documentos do seu processo de criação, roteiro, storyboard e animatic.

Palavras-chave: Animação 2D, Cor, Estética, Textura, Desenho, Produção Audiovisual

Para o texto completo, clique aqui!

Rotoscopia e Movimento: As Diferentes Maneiras de Se Aplicar a Técnica na Animação

Trabalho de Conclusão de Curso

Nome: Hugo Leonardo Ramos da Silva
Instituição: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Programa: Curso de Design
Orientador: Marcos Buccini Pio Ribeiro
Ano: 2017
País: Brasil

Resumo
Rotoscopia é uma técnica de animação no qual se usa a imagem filmada como referência para criar os movimentos existentes na animação. Há diversas maneiras de realizar esse método, ocasionando o problema da falta de aprofundamento sobre a técnica em um único estudo. Com apreço estético, os animadores buscam usar a técnica de maneira que se adeque a ideia do filme, de uma forma mais tecnológica ou experimental, sem perder o caráter realista nas ações que a rotoscopia propõe ao ser utilizada. Assim, essa pesquisa possui o objetivo de apresentar em forma de compilação algumas das maneiras de se fazer a rotoscopia na animação. No qual, ocorre uma análise de conteúdo a partir de alguns filmes animados, a partir de uma abordagem indutiva, num procedimento de comparação entre os aspectos em comum que os autores examinados trabalham com a rotoscopia.

Palavras-chave: Design, animação, rotoscopia

Para o texto completo, clique aqui!

Trajetória do Cinema de Animação em Pernambuco

Tese de Doutorado

Nome:
Marcos Buccini Pio Ribeiro
Instituição: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Programa: Programa de Pós-graduação em Comunicação
Orientador: Paulo Cunha e Rodrigo Carreiro
Ano: 2016
País: Brasil

Resumo
O cinema de animação pernambucano é recente, o primeiro filme data de 1968, enquanto que o primeiro filme brasileiro já tinha sido realizado 51 anos antes, em 1917. Mas, mesmo sendo tão recente, esta história ainda é desconhecida, tanto dos estudiosos do cinema pernambucano, quanto das pessoas que fazem o cinema de animação no estado. Assim, o objetivo principal desta tese foi resgatar a trajetória do cinema de animação pernambucano através de seus autores e suas obras. Esta pesquisa, inédita, fez um levantamento catalográfico de todas as animações pernambucanas, desde a primeira que foi possível relacionar, até maio de 2016. Durante estes anos de trabalho, 168 animações foram listadas e mais de 50 realizadores foram entrevistados. Com isso, foi possível criar um panorama da trajetória da animação pernambucana. Observando questões como a influência da tecnologia, o contexto cultural, a profissionalização, o crescimento de um mercado, a participação de editais de fomento, festivais e instituições de formação profissional e acadêmica e, finalmente, a estética usada nessas animações. Devido ao contexto periférico dessa produção, e sua posição em relação a cinemas maiores, autores que tratam de identidade cultural foram convocados para dialogar com autores que tratam de quesitos estéticos, especialmente os conceitos de ortodoxia e experimental de Paul Wells (1998). Desta forma, esta pesquisa parte da afirmação de que: uma produção periférica, como a animação pernambucana, que não obedece às regras e normas de uma indústria, acaba por gerar outras ansiedades, outros motivos e, consequentemente, outras dicotomias, em relação a uma produção industrial e comercial.

Palavras-chave: Cinema de animação, animação pernambucana, cinema pernambucano, história da animação, animação brasileira, história da animação brasileira

Para o texto completo, clique aqui!

Reduzindo Limites: Técnicas para Aperfeiçoar Movimentos em Animações de Recorte Digital

Trabalho de Conclusão de Curso

Nome: Rayana Carla Ferreira de França
Instituição: UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Programa: Curso de Design
Orientador: Marcos Buccini Pio Ribeiro
Ano: 2017
País: Brasil

Resumo
A animação de recortes surgiu como uma técnica para agilizar a produção e reduzir os gastos, ainda hoje serve ao seu propósito e por isso sendo uma das técnicas mais utilizadas para animações comerciais e séries para TV, porém mesmo na era da animação digital o recorte traz consigo alguns limites que podem dificultar a realização de um movimento fluido e realisticamente convincente. Mesmo com o uso do computador como um meio de novas possibilidades de criação que traz à tona novas experiências emotivas e linguagens estilísticas, os limites ainda podem ser um problema relevante para o animador. Para evitar que os personagens apresentem movimentos duros e sem conexão com o dito movimento natural, os animadores se apoiam em outras técnicas para aprimorar os movimentos dos recortes animados. Considerando essa problemática, esse trabalho tem como objetivo principal, explicar como funciona a técnica de animação com recortes e como podemos fazer uso de outras técnicas de animação para reduzir os limites impostos pelos recortes.

Palavras-chave: Animação de recorte, técnicas de animação, animação limitada

Para o texto completo, clique aqui!

Desenho Animado: O cinema da irrealidade

Artigo em Revista On-line
(indexada pela 1ªvez em 08/03/2016)
Nome: Gilberta Mendes
Revista: Filme Cultura / CTAv
Instituição: CTAv - n. 5 / 1967 , p. 8-10. 
Ano: 1967
País: Brasil

Resumo

É errado pensar-se no desenho-animado como um ramo subsidiário da arte e do cinema. Ao contrário, ele é uma nova arte.
No entanto, o fato de  que a sua composição, seleção, filmagem e processo de edição sejam criados numa mesa de desenho, não altera os princípios fundamentais de como um filme normal é realizado. [...]

Palavras-chave: Animação, Desenho animado, Cinema

Para o texto completo, clique aqui!