Boas vindas

Os Tamborins Estão Tocando!

Caro visitante,  Estamos finalmente, com uma reformulação do blog em curso! Depois de quatro anos, com mudança de gerenciador e remane...

Desenhar o Som: O papel do som no processo criativo nos curtas de animação brasileiros

Artigo em Revista On-line
(indexada pela 1ªvez em 08/03/2016)
Nome: Ana Luiza Pereira
Revista: Filme Cultura / CTAv
Instituição: CTAv - Jul-Ago-Set / 2013 , p. 60-64. ISSN 2177-3912
Ano: 2013
País: Brasil

Resumo

Desde o início do cinema sonoro, o cinema de animação foi encontrando características únicas, inerentes ao próprio processo de criação frame a frame da imagem, que permite um grande controle sobre a construção da relação som-imagem. O sucesso de Walt Disney com a introdução do som em Steamboat Willie (1928) e suas produções seguintes não partiu apenas da sonorização de um material previamente animado, e sim do resultado obtido na concepção conjunta de som e animação, seja pela criação do som sobre a animação (série Mickey Mouse), seja pela criação da animação sobre o som (série Silly symphonies). Alguns anos depois, a Warner adotou processos semelhantes para a criação das séries Looney tunes e Merrie melodies, tendo como diretor musical Carl Stalling, que havia trabalhado com Disney em seus primeiros filmes sonoros. [...]

Palavras-chave: Som na animação, Processo criativo, Animação brasileira, Filme Cultura


Para o texto completo, clique aqui!