Boas vindas

Os Tamborins Estão Tocando!

Caro visitante,  Estamos finalmente, com uma reformulação do blog em curso! Depois de quatro anos, com mudança de gerenciador e remane...

Areias e Contas em Movimento: Análise de dois filmes de animação

Artigo Acadêmico
(indexado pela 1ª vez em 30/11/2011)

Autora: Cristina Bruzzo
Instituição: Educ. Soc. vol.23 no.79 Campinas Aug.2002
Ano: 2002
País: Brasil

Resumo
Partindo da idéia de Gaston Bachelard de que a manipulação    da matéria  permite a recriação da realidade pelo imaginário    poético, proponho    uma divagação a respeito de dois filmes de animação,     nos quais o manuseio da matéria pelo animador tem um papel  fundamental.    Isto parece óbvio, afinal o filme de animação se  apresenta    como uma seqüência de imagens que criam a ilusão de  movimento    e estas imagens são construídas uma a uma como uma forma de  expressão    na qual as escolhas estéticas são fundamentais, incluída     a opção dos suportes e substâncias empregadas. Entretanto,    nestes  filmes em particular, além do resultado visual proporcionado pelo     trabalho artístico do animador, a natureza dos elementos utilizados  participa    da construção das significações.

Para o texto completo, clique aqui!