Boas vindas

Os Tamborins Estão Tocando!

Caro visitante,  Estamos finalmente, com uma reformulação do blog em curso! Depois de quatro anos, com mudança de gerenciador e remane...

Brinquedos óticos para o ensino de libras

Trabalho de Conclusão de Curso

Nome: Moisés Colares Barreto
Instituição: UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Programa: Comunicação Visual Design - Escola de Belas Artes
Orientador: Julie de Araujo Pires
Ano: 2019
País: Brasil

Resumo
O objetivo desta pesquisa é, a partir dos conhecimentos aprendidos no curso de Comunicação Visual Design, tais como editoração, animação, encadernação e teorias da percepção, refletir e propor a criação de artefatos com o tema da Língua Brasileira de Sinais Brasileira, a Libras, para o ensino de crianças surdas, num primeiro momento, e podendo abranger também crianças ouvintes. Como integrante do grupo de pesquisa Imagem(i)matéria , que investigava as relações entre a surdez e a visualidade, surgiu um convite para entrar em contato com uma classe de crianças surdas. A partir deste contato, pude pensar de que modo o design poderia contribuir para melhorar o ensino de crianças surdas. A Libras compõe um texto visual, no qual muitas vezes é imprescindível o movimento, que naquela classe observada era representado através de imagem estática, por fotografias e ilustrações. Os brinquedos óticos surgem como uma alternativa à essas imagens estáticas, mantendo a materialidade e o suporte já utilizado, o papel, e trazendo também a dimensão lúdica do brinquedo para a sala de aula. Tal recurso gráfico também se propõe a trazer uma nova perspectiva artística à cultura surda, que tem como principal meio de comunicação o visual. Seguiu-se a proposta de se utilizar materiais comuns de papelaria, ou de baixo custo, incluindo também softwares de código aberto, para viabilizar a sua reprodução em ambientes domésticos e escolares. E, dessa forma, esta pesquisa consiste tanto no desenvolvimento desses brinquedos ópticos, incluindo as animações representadas e a montagem das estruturas, quanto na observação do resultado da aplicação das peças em sala de aula. Foram utilizados entre outros autores Oliver Sacks como base para a compreensão de questões relacionadas à surdez e Richard Williams, como referência às técnicas de animação.

Palavras-chave: Brinquedos óticos, Surdez, Libras, Design, Ensino, TCC

Para o texto completo, clique aqui!